quarta-feira, 24 de junho de 2015

Cartinha impudica de amor

Amor, conto as horas pra te ver
E no teu corpo me perder!
Quero você! Você é minha vadia
Linda, doida e divertida.

Quero você! Só você me dá prazer
Quando eu me invisto em te meter!
É com você que eu quero ver o dia
Sem me preocupar com a noite suicida.

Eu te amo! E te como
Com gosto sem alvoroço.
Você não me traz desgosto.

Ao contrário, só me faz bem
E me entretém nesses dias tristes
De desdém. Eu te amo também!