quarta-feira, 21 de setembro de 2016

OGRO INTELIGENTE

O ogro se dizia muito inteligente, tão inteligente que vivia dizendo a quatro ventos que não precisava de ninguém. Até quando caiu de cama, o ogro insistiu, vociferou, que sozinho estava melhor. Seu grande intelecto o salvaria, mesmo sentindo muita dor. Segundo o ogro, seus conhecimentos seriam suficientes e ele, certamente, sairia sobrevivente. Dito e feito, o ogro não morreu! Porém, toda manhã ele chora ao sentir na pele o calor da hora.