quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

O PRIMEIRO ESCRIBA

Sem saber o que fazer, ele escreve. Escreve palavras numa folha de papel em branco na tentativa ilusória de que a atividade ortográfica lhe fará preencher melhor o tempo que não passa. Assim ele vai até alta madrugada. E só consegue escrever uma palavra: sozinho.